Seguidores

Translate - Tradutor

Seguir por Email

Volte sempre!


Fale Conosco 
 

Atenção. Importante!

Alguns Textos, Mensagens e Imagens foram retirados de variados sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.

A real intenção do blog Grupo Boiadeiro Rei não é de plágio, mas sim de espalhar Conhecimento e Espiritualizar...

 
TODO ACERVO DE MATERIAL DE ESTUDOS DO GRUPO DE ESTUDOS BOIADEIRO REI ESTA NO SERVIDOR ISSUU DEVIDO AO GRANDE NUMERO DE INFORMAÇÕES DA RELIGIÃO ACESSE - O LINK EBOOKS A BAIXO 
 
LlNK:
 

Pesquisar

Leia Também em nosso Site

domingo, 15 de janeiro de 2012

Medium Consciente ou Inconsciente – Uma História

     
     Eu costumo contar uma história sempre sobre a mediunidade consciente e inconsciente, acredito que talvez você goste e entenda.

            VAMOS À HISTÓRIA:

         Você acaba de comprar um carro novo, mas ainda não sabe dirigi-lo em longas distâncias. Então você pede a alguém para dirigir seu carro novo, em sua primeira viagem. Ao lado do novo condutor, você não consegue dormir no banco do carona e não se dá ao luxo de nem um só cochilo, pois ainda não conhece a forma que o motorista conduz um carro, e você fica em alerta por preocupações a respeito de seu novo carro.

           Você faz um segundo convite ao motorista e lá vai você, apreensiva(o) com o motorista, pois mesmo ele tendo conduzido seu carro novo muito bem pela primeira vez, com toda  a certeza ele ainda não lhe provou que você pode confiar na condução de seu carro novo.

          Você começa a viajar muito com o motorista e depois de várias viagens , você  finalmente começa a ter confiança nele,  e começa a se dar ao luxo de tirar alguns pequenos cochilos durante a viagem. Quando acorda, percebe que aquele motorista é bom e mesmo em seus cochilos você já pode confiar no mesmo, pois quando desperta percebe que lá está ele conduzindo seu carro com perfeita harmonia e destreza, dedicando muito cuidado, tal como se fosse dele.

       Passa-se algum tempo e você já acostumado(a) com aquele motorista, tanto é assim que  você começa a dormir quase a viagem toda, mas dorme tranquilo(a) e sabe que a qualquer momento poderá acordar,  e lá estará o motorista conduzindo seu veiculo até melhor do que você faria se soubesse dirigir como ele.  Pois além de respeitar as Leis, ele também respeita muito seu carro, mas você ainda acorda algumas vezes durante a viagem e quando chega ao seu destino tem lembrança de todo o itinerário.

       Chega o momento no qual você confia totalmente no motorista, e sabe claramente como é a viagem e o trajeto por ele percorrido. Sabe ainda que poderá  descrever  tudo que aconteceu no percurso da citada  viagem , até mesmo dos buracos que ele desviou, mas aquela viagem não lhe diz mais respeito , nem mesmo o itinerário, pois você já roga ao motorista que nem mesmo fale dos detalhes daquela viagem ou ainda pede apenas para ele falar de algumas partes da mesma.

            Fim da História:

            Carro novo - seu corpo
            Motorista - Entidade


          Entenda que você pode não querer saber mesmo o que acontece na grande viagem, mas não quer dizer que você não possa saber ou interferir na viagem, até mesmo poderá pegar a direção em trechos que você conhece ou ainda indicar novos rumos para a viagem, onde você pode interferir em qualquer coisa dessa viagem, pois você é o (a) dono(a) do veículo e ele apenas o condutor, o motorista.  Mas tem que ter idéia que a viagem só será dignificante quando estão em harmonia carro + motorista + proprietário do carro, fora isso a viagem poderá desandar.

       Infelizmente por vergonha, medo ou ego, muitos preferem dizer que nada lembram, assim é mais fácil ter mais "clientes", talvez ao contrário de você e com toda certeza desse que lhe escreve, pois deixo publico e notório aos consulentes e médiuns que sou totalmente consciente e a maioria das Entidades com quem  trabalho avisam antes mesmo de atender alguém que sou um médium consciente, alguns entendem, outros não, alguns apenas deixam e vão para a Entidade ao lado, que não falam que seus médiuns são consciente, mas venho há vários anos fazendo isso e as Entidades que comigo trabalham também e não importo de haver muitos ou poucos consulentes para quem  as Entidades dêem consultas, e sim que ali estou para praticar a caridade e quando essas entidades que trabalho dão consultas com toda certeza o consulente volta, pois gostou do que ouviu e principalmente da verdade que foi dita pela Entidade, a qual  explica tudo que aqui expliquei e até mesmo com a história que Pai Benedito de Aruanda costuma contar sobre a mediunidade consciente ou não que aqui eu lhe repasso.

      Quanto a quem mente, com toda certeza estes terão um dia que pagar seus débitos, irão pagar o preço exigido pela espiritualidade. Posso ter também débitos a pagar, mas com toda certeza não cairei em descrédito ou em contradições tais como eles caem, e como sempre digo "cada um com seu cada um e vamos vivendo a Umbanda", com toda certeza teremos diversos comentários a respeito da inconsciência total, mas que eles estudem sobre a mesma e irão perceber que esta é uma mediunidade que traz riscos aos médiuns e principalmente porque são muitos poucos médiuns que realmente possuem esta mediunidade e ainda que este poderá estar recebendo um espírito obsessor e não uma Entidade de Luz e isso não é só na Umbanda não e sim na espiritualidade como um todo, ou seja, onde houver médiuns.


           Por Alex de Oxóssi

Um comentário:

  1. boa tarde adorei! adorei seu esclarecimento. sou medium conciênte. e meus irmãos por vaidade se dezem incocientes. muito bom adorei ana cristina

    ResponderExcluir

Aceitamos comentários edificantes. Siga seu caminho em paz, se essa não é sua crença.

Obrigado!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

“A Umbanda não é responsável pelos absurdos praticados em seu nome, assim como Jesus Cristo não é responsável pelos absurdos que foram e que são praticados em Seu nome e em nome de seu Evangelho.”


SIGNIFICADOS QUANTO AO FORMATO DA VELA



 
Cones ou Triangulares: equilíbrio, elevação.
Quadradas: estabilidade, matéria.
Estrela: espiritual, carma.
Pirâmide: realizações matérias.
Cilíndricas: servem para tudo.
Animais: para o seu animal protetor.
Lua: para acentuar sua energia intuitiva.
Gnomo: para seu elemental da terra.
Cone ou Triangulares: simbolizam o equilíbrio. Tem três planos: físico, emocional e espiritual.
Velas Cônicas: são voltadas para cima e significam o desejo de elevação do homem, sua comunicação com o cosmos.
Velas Quadradas: Simbolizam estabilidade na matéria. Seus lados iguais representam os quatro elementos: Terra, Água, Fogo, Ar.
Velas em Formato de Estrela de Cinco Pontas: É o símbolo do homem preso na matéria. Representa o carma.
Velas Redondas: Simbolizam mudança. E a energia mais pura do astral que só a mente superior alcança.