Seguidores

Translate - Tradutor

Seguir por Email

Volte sempre!


Fale Conosco 
 

Atenção. Importante!

Alguns Textos, Mensagens e Imagens foram retirados de variados sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.

A real intenção do blog Grupo Boiadeiro Rei não é de plágio, mas sim de espalhar Conhecimento e Espiritualizar...

 
TODO ACERVO DE MATERIAL DE ESTUDOS DO GRUPO DE ESTUDOS BOIADEIRO REI ESTA NO SERVIDOR ISSUU DEVIDO AO GRANDE NUMERO DE INFORMAÇÕES DA RELIGIÃO ACESSE - O LINK EBOOKS A BAIXO 
 
LlNK:
 

Pesquisar

Leia Também em nosso Site

quarta-feira, 18 de maio de 2011

CONVERSANDO SOBRE UMBANDA

Umbanda é prática da caridade. Mas caridade não é colocar as pessoas no colo e resolver os problemas delas. Caridade não é apenas consolar, mas também esclarecer. É necessário que o movimento umbandista se conscientize disso. A Umbanda coloca inúmeras ferramentas energéticas, magísticas, espirituais e consciências a vossa disposição. Repassem essas ferramentas. Façam com que não apenas os médiuns e integrantes da corrente conheçam as "mirongas de Umbanda", mas as ensine, de forma simples e prática, para que a assistência também se beneficie, quebran¬do a dependência dela em relação aos guias. Umbanda é esclarecer…
Esclarecer também em relação ao mundo espiritual, as leis cármicas, de afinidades, etc. Esclarecer a respeito dos Orixás, da família espiritual de cada um. Tantos são os assuntos que poderiam ser ventilados dentro dos terreiros para melhor desenvolvimento das pessoas. Mas os umbandistas estão mais preocupados com os fenômenos, com a manifestação, esquecendo de se voltar para a filosofia espiritualista que está no âmago e na sustentação da religião de Umbanda.
Lembre-se: Tem coisa que nenhum passe, nenhuma magia, nenhum banho ou defumação irá resolver. Mas talvez uma boa conversa, um bom livro ou apenas uma nova visão em relação à vida possa mudar. Umbanda está cheia de milagres e encantos. Mas esses milagres e encantos são simples, acontecem a todo momento. Uma pena que a maioria dos homens e mulheres não tem olhos para ver…

Aconteceu na Antiga África:

Uma vez um grande sacerdote tentou realizar uma cerimônia para ressuscitar seu filho, um grande guerreiro morto em guerra. Toda tribo se reuniu para ver tamanho feitiço. No meio da cerimônia o corpo do guerreiro, sacudiu, tremeu, estrebuchou, rolou e finalmente se levantou. Os olhos eram vidrados, mortos. A tribo estava quieta de tanta tensão. Finalmente o corpo novamente caiu morto no chão.
A tribo ficou encantada. Aquele homem era milagroso, capaz de ressuscitar um homem, mesmo que por poucos segundos. Incrível…
Em um canto da tribo, perguntaram ao velho Meji o que ele achava de tudo aquilo:
- Ora, como alguém pode ressuscitar aquilo que nunca morreu? O milagre já está aí, acontecendo a todo o momento. O espírito livre, a realidade imortal dele no coração do Orixá. O maior milagre é a própria Vida. Mas vocês se perdem naquilo que os olhos podem ver… E assim é até hoje. A maioria busca por milagres, transitórios, opacos, sem vida, que nada acrescentam. Os terreiros de Umbanda estão cheios desses antigos sacerdotes vendedores de milagres, assim como de olhos obcecados por eles. Mas em todos os cantos, a palavra sábia do preto-velho ainda ecoa tentando despertar alguma coisa no coração espiritual das pessoas. (grifo nosso)
Onde está o milagre? No manifesto, ou no imanifesto? No transitório, ou no imortal?
No finito, ou no absoluto? Na visão, audição, tato, paladar, olfato ou no coração?

Pense bem…

Trabalhe dentro da Lei de Umbanda, mas não faça desse trabalho um fim. Cresça, melhore, desenvolva-se como consciência. Médium ou não, você está cheio de potencialidades, capacidades, dons. Não dependa em tudo dos guias espirituais. Não faça dos Orixás e de seu culto, um mercado de troca de favores e vantagens.

A maior riqueza que os Orixás podem doar a vocês não é acessada através de uma oferenda. Mas é sim, encontrada, no coração limpo, no terreiro simples e aconchegante que existe aí dentro, na sala de iniciação amorosa que ele É.
(grifo nosso)
Limpe os pés, sujos pela lama do ego, antes de entrar.
Limpe as mãos, sujas pela treva da ignorância, antes de tocar e abrir o pórtico de acesso.
E principalmente, vá de intenção nobre a altruísta. Vá de alma e espírito brilhando. A verdadeira iniciação dos Orixás acontece aí dentro. A todo o momento. É como um milagre. Escute, ouça, sinta…
Seja Um com Ele! Nisso reside todo mistério.
O que é Umbanda?

Umbanda é como aquela pérola bonita.
Não pode ser vista, pois seu brilho é capaz de cegar.
É como aquela poesia que nunca será escrita. As palavras são pobres para descrevê-la.
É como a canção silenciosa cantada pelas estrelas. Só o coração pode escutar.
É como a simplicidade do preto-velho.
Tão natural.
É como a alegria da criança. Tão ingênua.
É como o sorriso do Exu. Tão enigmático.
Umbanda é uma imensidão de povos e culturas. É uma imensidão de rostos.
Uma imensidão… É o Todo.
É a banda que trabalha pelo UM.
É singela assim…
Quando a individualidade desaparece
A Luz de Oxalá inunda seu ser.
Você é a Luz, A Luz é você!
Quando o amor surge como uma flor,
Os lírios de Mamãe Oxum
brotam em seu coração.
Você é a Flor, A Flor é Você!
Quando a ignorância é eliminada,
As Flechas do Caçador te guiam.
O Caçador é você. A Caça também!
Quando a alma vence sua própria treva
O Raio de Xangô é vivo no espírito.
Você é o Rei, o Rei é Você!
Quando o tufão do discernimento surgir
Não mais a sombra da alma há de te possuir.
Você é a Guerreira, a Guerreira é você.
Quando as cabeças do vício forem cortadas
A Espada do guerreiro iluminará o caminho!
Você é a Senda, A Senda é Você.
Quando a cruz viva do "Velho" te marcar
O peso do mundo em suas costas cairá.
Você é Caridade, A Caridade é você!
Quando a Anciã do destino, em ti existir
Não mais mistérios hão de te possuir.
Você é o Fim e também o Começo!
Quando a estrela brilhar, e o canto encantar
Nas praias de Aruanda a Mãe Divina você verá.
Você é a Umbanda, Umbanda é Você!
E então, no fim da jornada,
Onde os caminhos se entrecruzam,
E as Sete Encruzilhadas
são contem¬pladas,
O Amor que a Tudo gera lá estará!
Você é Olorum, Olorum é Você!
Assim cantava-se na velha Luanda…
Assim ainda se canta,
Na querida Aruanda…

AUTOR:FERNANDO SEPE

Postado no Grupo de Estudos Boiadeiro Rei



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aceitamos comentários edificantes. Siga seu caminho em paz, se essa não é sua crença.

Obrigado!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

“A Umbanda não é responsável pelos absurdos praticados em seu nome, assim como Jesus Cristo não é responsável pelos absurdos que foram e que são praticados em Seu nome e em nome de seu Evangelho.”


SIGNIFICADOS QUANTO AO FORMATO DA VELA



 
Cones ou Triangulares: equilíbrio, elevação.
Quadradas: estabilidade, matéria.
Estrela: espiritual, carma.
Pirâmide: realizações matérias.
Cilíndricas: servem para tudo.
Animais: para o seu animal protetor.
Lua: para acentuar sua energia intuitiva.
Gnomo: para seu elemental da terra.
Cone ou Triangulares: simbolizam o equilíbrio. Tem três planos: físico, emocional e espiritual.
Velas Cônicas: são voltadas para cima e significam o desejo de elevação do homem, sua comunicação com o cosmos.
Velas Quadradas: Simbolizam estabilidade na matéria. Seus lados iguais representam os quatro elementos: Terra, Água, Fogo, Ar.
Velas em Formato de Estrela de Cinco Pontas: É o símbolo do homem preso na matéria. Representa o carma.
Velas Redondas: Simbolizam mudança. E a energia mais pura do astral que só a mente superior alcança.